Tecnologias coreanas: deixando de ser um Noob com o MMORPG Ragnarok

Alô, alô, queridos mochileiros d’O Bagageiro, aqui quem vos fala é um NOOB. Isso mesmo. Eu queria muito falar de tecnologia coreana, porque é legal, porque é interessante e todos nós consumimos tecnologias todo santo dia. Mas de quê eu vou falar, meu deus! Eu pensei em falar em jogos, mas o único jogo eu já zerei na vida foi Bomberman. Bem, um jornalista não precisa conhecer de tudo, mas ele precisa saber quem conhece.

É por isso que o Pra Ver de hoje tem a participação de dois caras que sacam de jogos e conhecem bastante o jogo online que a gente vai falar por aqui: o Ragnarok, da empresa coreana Gravity. Eu praticamente não sei nada sobre como se joga, mas os meninos me deram dicas que também podem servir pra ti.

O Ragnarok é um tipo de RPG, só que online. RPG (Role-playing Games) são jogos onde as pessoas criam seus próprios personagens e discorrem uma narrativa própria, bebendo em referências da literatura e cinema fantásticos, como por exemplo o clássico Senhor dos Anéis e agora a série de livros e de TV As Crônicas de Gelo e Fogo. Já os MMORPGs (Massively ou Massive Multiplayer Online Role-Playing Game ou Multi massive online Role-Playing Game) são games online onde várias pessoas do mundo inteiro criam seus personagens a partir dos templates que o os jogos te oferecem, onde você pode criar sua própria história e inter relacionar com outras histórias e personagens de amigos.

O Tony Lameira, estudante de Publicidade e Propaganda e gamer assumido, vai explicar pra gente um pouco sobre esse jogo.

tony

Ragnarok significa “Crepúsculo dos Deuses”, que na mitologia nórdica é o apocalipse, quando Fenrir se liberta e lidera os monstros e demônios para destruir a humanidade. O jogo se passa exatamente em meio a esse “Apocalipse”, pois o jogador é inserido em um mundo cheio de monstros, em que ele deve escolher uma classe (não existem raças em ragnarok, só humanos). E a partir dessa classe ou profissão, ele escolhe seu papel no jogo: Mercador, Espadachim, Mago, Arqueiro, Noviço (aprendiz de padre) ou Gatuno. Isso é basicamente toda a estrutura importada do RPG: temos o mundo, a historia e os personagens diversificados. O MMORPG surge alguns anos após a internet, justamente pra ampliar esse mundo que existia apenas nos livros de RPG, porque ele abria a possibilidade não só de escolheres vários caminhos ao longo da historia, mas também te possibilitando conhecer pessoas de todas as partes conectadas naquele servidor. Então, os MMORPGs não somente tem um carácter de jogo, mas também de rede social. Eu tenho uma amiga, a Ju, que ela começou a jogar Ragnarok, pelo fato do namorado dela não responder as mensagens do MSN, porque ele vivia jogando. Nisso ela ficou jogando durante 7 anos. Ela tinha 20 anos na época ._. Isso daria um TCC, de tanta informação.

E tu, por que começaste a jogar?

Eu comecei a jogar pra me inserir em um grupo de amigos da minha sala. Na época a Level Up! (empresa responsável pelo servidor brasileiro do Ragnarok), tinha fechado uma parceria com o Nescau Cereal, e junto com a caixa de cereal vinha um cd com o jogo. Isso pra época era um presente dos Deuses, afinal o jogo pesava uns 850mb em uma Era de Internet Discada, significava uma vida baixando. Comecei a jogar muito perdido, pois imaginei que fosse um jogo com narrativa Linear e não mundo aberto. Temos uma palavra pra definir esse tipo de jogador: Noob (novato), que possui um carácter pejorativo muito forte dentro do campo dos mmorpgs. Um jogo de mundo aberto significa que tens, praticamente, escolha total sobre o que vais fazer, só realmente ficas preso a escolha de classes. Mas de resto, podes fazer grandes merdas se não souberes o que diabos estás fazendo.

Por exemplo: eu decidi ser um mago, porém eu fico aumentando a força física dele. Claro que isso vai dar merda, porque mago é uma classe que não deve ter força física, pois nunca vai atacar fisicamente, só através de magias. E isso é um desafio a mais dentro do jogo, entenderes as mecânicas dele pra conseguir desenvolver o teu personagem pra conseguires explorar mais a fundo o mundo e a historia de cada parte dele.

Quais são os outros MMORPGs tu indicas pra galera? E por quê?

O mais jogado até hoje é o WoW (World of Warcraft), já existe há mais de 10 anos e conta com milhões de jogadores no mundo inteiro. É tão famoso, que praticamente só com o jogo foi criado todo um episódio de South Park. Mas ele não é coreano. Atualmente, um MMORPG que tá em grande ascensão e que é coreano é o TERA.

[youtube http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=rDWp2ZpV-IA]

Se quiseres tá uma olhada em como que joga o TERA, assiste esse vídeo aqui.

Ok, a gente já sabe do que se trata, mas como faz pra jogar? O Victor Carreira, também aluno de PP e que aliás está fazendo intercâmbio lá na Flórida, vem dar umas dicas pra gente que é NOOB de como começar a jogar o Ragnarok.

Questão #1: Já baixastes alguma coisa? Onde pretendes jogar? Não te aconselho o servidor oficial porque ele tá muito zoado.

Dever de casa #1: Vai na wikipedia e lê o artigo Ragnarok Online. E te aconselho a ir logo baixando o BRO (servidor oficial no Brasil) no site da level up games. E depois atualiza o patch (põe o programa pra rodar huehue) vai demorar algumas horas pra baixar todas as atualizações dos episódios, mas vai na fé

Qual a principal dica pra ingressar no jogo?

Descobrir sobre as profissões todas (ou principais), e isso fazes durante o jogo. Mas tens que escolher a profissão que o teu primeiro personagem vai ter.”

Para conhecer mais MMORPGs da Coréia

No site Coisas da Coréia, tu encontras umas cronologia dos jogos que têm sido feitos por lá. E nesse outro site aqui eles fazem um TOP 10 dos melhores MMORPGs coreanos.

Espero que vocês tenham gostado, e se vocês jogam qualquer um desses jogos, conta pra gente nos comentários. 😉

Anúncios

Um pensamento sobre “Tecnologias coreanas: deixando de ser um Noob com o MMORPG Ragnarok

  1. Pingback: A nona arte na Coreia | O Bagageiro

Qual tua opinião?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s